Como montar um projeto de portaria remota?

Saiba tudo sobre portaria remota e como montar um projeto de segurança com auxílio de serviços terceirizados especializados. 

A portaria remota é um sistema de segurança que oferece portaria 24 horas para prédios. O monitoramento é feito a distância, porém com todo suporte e funcionalidade de uma portaria convencional. 

Saiba mais: O que é um projeto de CFTV

Quais equipamentos são necessários para projeto de portaria remota 

Cada projeto de segurança tem particularidades próprias, mas é fato que a portaria remota está sendo cada vez mais procurada, justamente por estar se tornando tecnológica o suficiente para substituir a portaria convencional. 

Existem alguns equipamentos que são amplamente utilizados em sistemas de portaria remota. Nem todos são necessários, depende muito do projeto, mas cabem perfeitamente em um projeto de segurança efetivo. São eles: 

  • Câmeras de monitoramento: 

As câmeras de segurança sempre foram fundamentais nos mais diversos sistemas de segurança, e não poderia ser diferente com a portaria remota. 

Tendo uma boa estrutura de monitoramento, a câmera se torna uma das principais aliadas da portaria remota, principalmente quando utiliza tecnologia IP, que garante transmissão eficiente de imagens para a central de controle. 

  • VoIP: 

O VoIP é um sistema de integração capaz de realizar conexão entre a central de monitoramento, os interfones da propriedade e os ramais dos condôminos (nos casos dos condomínios). 

Essa tecnologia otimiza todo o trabalho do sistema de portaria remota em condomínios sem que haja necessidade de realizar chamadas diretas para telefones pessoais. 

  • Abertura e fechamento de portões e cancelas de forma remota: 

Trata-se de uma tecnologia que deixa, nas mãos do operador, que se encontra na central de monitoramento, a autorização para abrir e fechar portas, portões e cancelas. Dessa forma, é possível fazer o acompanhamento do acesso de carros e pedestres mesmo a distância. 

  • Tags e aplicativos para controles de acesso: 

A utilização de tags ou de aplicativos é bastante comum em portarias remotas, já que otimiza a circulação de moradores/colaboradores, facilita o processo de entrada no prédio e garante autonomia para quem está realmente autorizado a acessar o perímetro. 

  • Conexão com a internet e gerador: 

Para planejar um projeto de portaria remota na empresa ou condomínio, é preciso garantir um bom acesso à rede de internet, de preferência via duas operadoras distintas, para ter a certeza de que haja sinal de internet mesmo que uma das redes sofra queda. 

Tendo duas conexões funcionais, será preciso ter um bom roteador, que garanta que a central não fique desconectada no condomínio. 

O gerador, ou nobreak, é o responsável por garantir que não falte energia elétrica para os roteadores e outros dispositivos que fazem parte do sistema de portaria remota. A operação deve continuar, independentemente de quedas de energia. 

Serviços terceirizados de portaria remota garantem segurança patrimonial e de pessoas 

Os projetos de portaria remota, quando planejados via serviços terceirizados de empresas especializadas no assunto, proporcionam o máximo de proteção ao patrimônio e às pessoas que por ali transitam, sejam em condomínios ou estabelecimentos. 

A Portaria Remota do grupo Generall oferece o melhor serviço terceirizado de monitoramento remoto 24 horas, garantindo segurança e o melhor custo-benefício. Navegue pelo site para conhecer tudo sobre a Generall e a Portaria Remota.



Empresa Sustentável Empresa Sustentável - Somos uma empresa de segurança que se preocupa com o meio ambiente.

EnglishPortuguese